Leitor Autônomo Leitor Iniciante Primeiras Leituras Temas delicados

Na Corda Bamba na Travessa: livros sobre os sentimentos

 

Livros sobre sentimentos

Durante os eventos na Livraria da Travessa, muitas famílias me procuraram em busca de livros que falassem sobre os sentimentos e as emoções.

Sempre digo que bons livros nos levam a boas conversas e acredito que esse é um dos papéis da Literatura: sendo arte, nos leva à identificação, reflexão e nos ajuda a construir sentido para aquilo que estamos vivenciando.

Muitas crianças (e até adultos) podem ter dificuldades de nomear e compreender os sentimentos. Daquilo tudo que estou sentindo, o que é raiva? O que é medo? O que é tristeza? Nesse caldeirão de emoções tudo se complica.

Separar os sentimentos, classificá-los e colocar cada um em sua caixinha é uma maneira de clarear as coisas e aliviar um possível sofrimento.

Para isso, a mediação do adulto é indispensável: ouvir as perguntas, comentários e reações da criança em cada pedacinho do livro e ajudá-la a lidar com o que está sentindo, estimulando a conversa e auxiliando a reflexão.

Por isso, hoje trouxe para vocês quatro livros sobre sentimentos:

1 – O monstro das cores

Autora: Anna Llenas

Editora Aletria

Quantas vezes a gente se sente engolido pelos sentimentos e não consegue compreender o que se passa dentro de nós? Emoções, quando emaranhadas, devoram a gente e nos deixam confusos. Mas quando identificamos, compreendemos e separamos cada uma delas, dá aquele alívio e conseguimos lidar com as questões de maneira mais tranquila. Se para os adultos é assim, imagine para as crianças que, diversas vezes, não sabem como agir porque não compreendem o que sentem.

É sobre isso que fala O Monstro das Cores, escrito e ilustrado por Anna Llenas e publicado pela editora Aletria. Nessa história, indicada para os primeiros leitores e para os leitores iniciantes, a menina vai ajudando o monstrinho (que por si só já é apaixonante) a separar cada um desses sentimentos em potes e cores diferentes. Além disso, a menina vai colocando cada um deles em forma de palavras:

“A alegria é contagiante. Brilha como o sol, pisca como as estrelas.”

O texto se aproxima do universo infantil quando utiliza palavras do cotidiano como mar, sol, fogo e escuridão, auxiliando as crianças menores a se identificar.

As ilustrações são grandes, com desenhos e colagens simples, mas bem marcadas: (a menina sempre em preto e branco e o monstro colorido). Um achado!

Indicamos para as primeiras leituras e leitores iniciantes.

 

2 – Sentimentos

autores: Richard Jones  – Libby Walden

Editora Ciranda Cultural

Um livro ilustrado lindinho onde cada sentimento é explicado em poesia. São dois versos em cada página. Texto e ilustrações trazem animais e elementos da natureza, comparando nossas emoções àquilo que é natural do mundo e do ser humano. Os desenhos usam as cores para classificar os sentimentos. A raiva é vermelha, a vergonha rosa, a tristeza colore as páginas de azul e a solidão cheia de nuvens. A poesia está em todo o lugar.

“Raiva

Bem lá no fundo existe um poço de fogo pronto para a ação.

Cheio de magma borbulhante, prestes a causar uma explosão.”

No final, tudo desagua na empatia. A mensagem que o livro passa é a de que, conhecendo os sentimentos, podemos compreender melhor o outro.

Indicamos para leitores iniciantes e autônomos. 

É ou não é uma graça?

3 – Hoje me sinto… um abecedário de emoções

Madalena Moniz

Editora: V & R

Um livro ilustrado de tirar o fôlego. Um abecedário de emoções em imagens. Em cada folha dupla uma palavra e um desenho. É preciso fazer pequenas pausas entre cada letra, respirar. Uma obra que merece uma mediação longa e contínua, pode ler lida aos poucos, uma página por dia.

Cada uma delas é um mundo a ser explorado entre silêncios e palavras. Quantas cabem nessas imagens? Quantas ideias em uma só palavra? Um livro que desperta calma e o tempo que a gente precisa pra olhar e se debruçar sobre os sentimentos, a fundo e ao largo. Uma verdadeira galeria de arte, em tons de vermelho e azul. Capa dura, projeto gráfico delicado que faz a gente querer guardar esse livro debaixo do travesseiro pra poder ler antes e durante o sono…

Indicamos para uma leitura compartilhada com os leitores iniciantes e autônomos.

4. Vazio

Anna Llenas

Editora Salamandra

O sentido da vida e a solidão são questões humanas que atravessam séculos e gerações. Muitas vezes a gente se sente esvaziado e, sem entender o que se passa, acaba procurando algo que tape nosso buraco, mesmo que provisoriamente.

Anna Llenas é uma autora que sabe falar sobre os sentimentos, também é dela o Monstro das Cores, o primeiro livro desta resenha.

Em Vazio a autora se aprofunda, tratando da questão com muita propriedade, ludicidade e leveza.

Fiz uma resenha inteirinha só desse livro. Para ler clique aqui. 

Durante sua jornada, a menina tenta achar uma tampa para seu buraco. Procura o consumo, a comida, os eletrônicos, as relações, mas nenhuma parece servir. Depois de falhar em sua busca, ela desiste.

E aí duas grandes páginas em branco fazem o leitor parar, respirar e sentir o vazio junto com Júlia. A criança enfrenta seu buraco e descobre que dele podem sair coisas incríveis, mundos fantasiosos, palavras… e que as outras pessoas também possuem seus vazios.

Um livro profundo, que merece uma leitura mediada e dedicada com os leitores iniciantes e  autônomos. 

Boas leituras e boas conversas!

Sobre o autor

Isabella Zappa

Isabella Zappa

Olá, eu sou Isabella, autora do Na Corda Bamba! Fiz minha graduação e mestrado em Educação na PUC-Rio e uma pós graduação em Psicopedagogia. Além de escritora e poeta, sou professora de Ensino Fundamental I . Meu grande objetivo é formar leitores e escritores! Por isso, livros, letras e poesia transbordam nas minhas aulas!

Deixe um comentário