Família Leitor Iniciante Livro ilustrado

Papai ao meu lado

Dia dos Pais

Eu sempre fico pensando se devo ou não fazer resenhas para dias específicos e comerciais, principalmente no dia dos pais. Muitas crianças são órfãs de pais vivos e, como mulher, sei que noventa por cento da carga recai sobre nós. 

Mas o nome do livro é Papai ao meu lado e sugere exatamente essa presença e cumplicidade que deve haver entre pais e filhos, mães e filhos, avós e filhos e etc. Com risco de cair no clichê, pai é quem cuida e essa é uma obra cheia de cuidado. 

Papai ao meu Lado

Escrita e ilustrada por Soosh, uma mulher que representa uma paternidade cheia de ternura, é pra chorar em todas as páginas, lembrando do seu pai, do pai dos seus filhos ou de um ideal de pai mesmo.

Poucas frases e ilustrações belíssimas enchem a gente de emoção e esperança. 

Conheça outros livros sobre paternidade!

O pai, esse ser enorme e os filhos tão pequeninos. O pai de Soosh brinca, estuda, cozinha, arrisca, protege, consola e está presente mesmo quando precisa se ausentar, com ele tudo é possível. Enfim, é pai né, gente. Vamos acabar com essa história de pai que ajuda porque pai fez gerar igual. Pai compartilha, não ajuda. 

Eu me lembro meu, que levava a gente pra praia, pra piscina, lia as histórias, consertava tudo. Meu pai era quem ficava comigo quando eu nasci e era minha mãe que trabalhava fora. Super moderno para os idos de 1980.

Pra gente lembrar, idealizar, comemorar e se emocionar com aquela figura que está ou esteve do nosso lado. 

Feliz dia dos pais, gente! 

Boa leitura e boas conversas!

 

Sobre o autor

Isabella Zappa

Isabella Zappa

Olá, eu sou Bella, criadora do Na Corda Bamba! Sou pedagoga, psicopedagoga e mestre em Educação. Atualmente trabalho como professora de Ensino Fundamental I aqui no Rio de Janeiro.
Sou uma viajante literária e geográfica, adoro comida italiana, cheiro de mato e o canto dos passarinhos.

Deixe um comentário